12 de março de 2011

Pequenos gestos.

Às vezes tua ausência me machuca, me faz ver carinhos não recebidos, paixão sem ter colo... A vontade que aos poucos se faz é a de me doar em teus braços, beber do teu êxtase, roubar teu amor em momentos nossos, sentir o cheiro da tua pele na minha, sua boca passeando em mim até me calar... Desejo de ser sem ser, ser só um, não ser ninguém, deixar ser o que você quiser; me render ao desejo que se faz em mim calado, como uma rosa que espera desabrochar em seu momento sublime. E que bonito se faz o sublime desabrochar...

2 comentários:

  1. Que lindo! Parece em um filme...

    ResponderExcluir
  2. Curti mto seu blog, cara!
    To ate ceguindo aki!
    Qd puder, conhese o meu tb!
    www.falonacara.com.br que vç vai rir mto tb!
    bjks e parabens!
    @Jenefercullen

    ResponderExcluir